A lágrima .

quinta-feira, 3 de junho de 2010 18:44 Postado por K Santiago .

E a lágrima escorria mais uma vez naquele rosto branco como a neve, seu olhos estavam vermelhos, inchados, ela não conseguia manter sua respiração e soluçava involuntariamente. Tudo vinha a sua cabeça ao mesmo tempo: vozes, músicas, imagens ... tudo que ela não queria lembrar invadia sua mente e isso a desesperava. O que fazer ? como agir ? era como pular de um penhasco sem pára-quedas, era como cortar os próprios pulsos.

Nada era certo, mas também nada era errado. Uma total contradição, uma contradição sem fim .

Tudo parecia perdido, tudo estava perdido ; não havia sentido algum se maltratar daquela forma, não havia sentido manter tudo como estava.

Não dava mais pra ela, e não dava mesmo.

Levanta-se ainda trêmula e pega o telefone ; ela precisava falar com ele, ele tinha que escutar seu pranto, quem sabe assim alguma coisa mudava ? quem sabe assim ele não mudava ?

tremendo e ainda soluçando, já que tinha chorado por horas ; pega o celular e fica por alguns segundos olhando-o, não tinha muita coragem de dizer o que sentia, mas guardar isso tudo que a torturava era muito pior. Então ela liga, e ele atende. O dialogo foi o mais FRIO e RÁPIDO que já tiveram.

- que foi ?

- só queria te perguntar uma coisa, seja sincero.

- fala.

- você me ama de verdade ?

- amo.

- ah, era só isso mesmo.

- valeu.

Então desligam.

Isso a deixou muito pior do que já estava, porque ele foi tão frio ? Tão insensível ? será que nada do que ela andava fazendo para ele valia a pena ?

As dúvidas não passavam, e a incerteza de que não era a única só fez aumentar. Sua dor não passava, o nô na sua garganta não se desatava. ou ela era sensível demais ou a realidade não era muito doce .

Isso ninguem podia explicar, nem ao menos se arriscar a entender ; era mais complexo do que se imaginava. Nem ela sabia exatamente o que se passava dentro do seu coração.

Já era madrugada, a lua se despedia do céu. seu corpo já não suportava mais e ela acabara a pegar no sono.

O seu maior desejo ? NÃO ACORDAR NUNCA MAIS !

3 Response to "A lágrima ."

  1. Minerinha Says:

    Muito triste, é como me sinto hoje. Até parece que ''essa'' sou eu, muito lindo o texto e você escreve super bem sz .

  2.  Érica Mota  .  <3 Says:

    ameei, poow isso até parece uma historia de alguem que eu conheço e seria falta de ética eu citar nomes, porem pensamentos escritos nesse texto que eu lir, mim fez acompanhar tudoo num feichar de olhos. BEIJOS

  3. K Santiago . Says:

    Brigada :)

Postar um comentário

Sua opinião é importante para mim :D